Como Funciona O Processo De Abertura De Empresa

Como Funciona o Processo de Abertura de Empresa?

Você sabe como funciona o processo de abertura de empresa?

Para contornar desafios e salvar-se de problemas evitáveis, você precisa saber como funciona o processo de abertura de empresa antes que seja tarde demais para evitar intempéries

A decisão de abrir uma empresa própria não surge do dia para noite. Para muitos, é um sonho a ser realizado e, para outros, uma necessidade que o destino trouxe para a realidade.

Contudo, independente de qual seja o caminho que te trouxe até aqui, é necessário entender como funciona o processo de abertura de empresa para que o seu negócio não funcione na ilegalidade e, consequentemente, seja alvo do Fisco e das suas duras penalidades para quem não está seguindo as leis e aos métodos impostos aos CNPJs.

Tendo isso em vista, queremos que você e o seu futuro negócio estejam longe de quaisquer intempéries que possam ser evitados com um pouco de conhecimento! Sendo assim, fique conosco até o final deste artigo e descubra como funciona o processo de abertura de empresa!

Boa leitura!

Como funciona o processo de abertura de empresa?

Para evitar não apenas operar na ilegalidade, mas, também, que o seu negócio seja vítima de penalidades severas por parte da fiscalização, fique atento até o final e entenda como funciona o processo de abertura de empresa!

Tenha um contador ao seu lado

Antes de mais nada, possuir profissionais que estarão do seu lado e te auxiliarão para que o seu negócio percorra o caminho certo até que o seu empreendimento esteja, de fato, funcionando a todo vapor, é imprescindível.

Afinal de contas, o processo de abertura de empresa não é tão simples quanto parece, então, é necessário possuir a ajuda especializada de profissionais contábeis do início ao fim — além de ser uma obrigação para todas as empresas, com exceção apenas do MEI.

Verifique a viabilidade do seu negócio

Para entender como funciona o processo de abertura de empresa, antes mesmo de começar a pegar a papelada, é necessário avaliar com seriedade a viabilidade do seu negócio.

Em outras palavras, é o momento de se debruçar sobre os detalhes e verificar se, na prática, o seu futuro empreendimento lhe dará frutos bons ou apenas mais boletos a serem pagos.

Estruture o contrato social

O contrato social é uma parte crucial da abertura de empresa, uma vez que esse documento é a prova viva do que o seu negócio faz, a quem ele pertence, qual a finalidade dele e outros aspectos cruciais esmiuçados para questões formais.

Registro na Junta Comercial e solicitação do CNPJ

Após ter o contrato social pronto, é hora de realizar o registro na Junta Comercial da sua cidade e, em seguida, entrar no site da Receita Federal para solicitar o seu CNPJ.

Alvará de Funcionamento e do Corpo de Bombeiros

Agora, vamos mergulhar ainda mais nas burocracias!

O Alvará de Funcionamento é um documento que, em suma, é uma “permissão” para que o seu negócio opere e, tendo isso em vista, ele precisa ser sempre renovado.

Já o Alvará do Corpo de Bombeiros, você precisará procurar essa entidade para emitir um certificado de que o local ao qual o seu negócio operará possui condições de prevenção de incêndios.

Como pudemos ver, o processo para abrir uma empresa não é tão simples e, a depender da sua área de atuação, o número de itens nessa lista pode aumentar ainda mais!

Sendo assim, é crucial possuir a ajuda de profissionais contábeis, pois eles te orientarão pelos caminhos legais, garantindo que o seu negócio sempre operará segundo as leis e, principalmente, te mantendo longe de multas e penalizações!

Tendo isso em vista, se você quer garantir segurança para poder buscar o sucesso que tanto almeja, não hesite em procurar os profissionais da Kapcon!

Basta entrar em contato com os nossos especialistas e garantir segurança para o seu futuro negócio!

Leave A Comment