Diferenças entre lucro presumido e lucro real

O Lucro Presumido é uma forma de tributação simplificada para determinação da base de cálculo do imposto de renda e também  da Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido (CSLL das pessoas jurídicas.)

A sistemática é utilizada para presumir o lucro da pessoa jurídica a partir de sua receita bruta e outras receitas sujeitas à tributação. Para aderir a esse regime de tributação, sua empresa deve faturar até R$78 milhões de reais por ano, ou seja, R$6,5 milhões por mês.

Em termos gerais, esse lucro é determinado pelo percentual que será aplicado, chamado de margem de prevenção.

Embora não seja um regime obrigatório, o lucro presumido é bastante difundido por conta da sua simplicidade e, principalmente, por questões de estratégia tributária.

Já o Lucro Real é a regra geral para a apuração do Imposto de Renda e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL da pessoa jurídica.)

Ao mesmo tempo que esse é um “regime geral”, ele também é o mais complexo. Nele, o imposto de renda é determinado a partir do lucro contábil, apurado pela pessoa jurídica, acrescido de ajustes positivos e negativos que são requeridos pela legislação fiscal.

Link:https://www.jornalcontabil.com.br/lucro-presumido-e-lucro-real-entenda-o-que-sao-e-quais-as-diferencas/

Foto Reprodução:http://www.sindifiscomt.org/noticias/noticia.asp?id=5600&noticia=o-que-levar-em-conta-na-escolha-do-melhor-regime-tributario-para-2019

Leave A Comment